Passeio cultural e barato em Campinas

A cidade de Campinas agrega diversas atrações aos seus visitantes e moradores. São shoppings, lojas, centro comercial e exposições espalhadas pelos quatro lados do município. Apesar do grande desenvolvimento habitacional, a cidade reforça sua característica de interior e investe em pontos turísticos e passeios culturais tradicionais, como é o caso do Balão do Castelo.

Localizado no bairro do Castelo, o ponto trata-se de uma ampla praça tradicional com uma torre ao meio. Durante o dia, ela é aberta para a visita. As pessoas que por lá passam podem subir até o ponto mais alto e vislumbrar a paisagem de grande parte de Campinas. Outras medidas do Balão é a inclusão de painéis com fotos explicando a história do local e o que o turista poderá achar naquela redondeza.

O clima é tranquilo e seguro. O bairro do Castelo está próximo a rodoviária do município e mantém uma vasta possibilidade de restaurantes bem conceituados, que podem ser visitados pelos clientes. O mercado naquela área é fomentado. Existem Casas a Venda em Campinas, especialmente neste bairro, que estão em constante valorização. Vale a pena garimpar e investir na área.

De acordo com a Prefeitura Municipal de Campinas, a cidade possui mais de um milhão de habitantes (IBGE, 2010) e está apenas a 96 quilômetros de distância de São Paulo.

A cidade de Campinas agrega diversas atrações aos seus visitantes e moradores. São shoppings, lojas, centro comercial e exposições espalhadas pelos quatro lados do município. Apesar do grande desenvolvimento habitacional, a cidade reforça sua característica de interior e investe em pontos turísticos e passeios culturais tradicionais, como é o caso do Balão do Castelo.

Localizado no bairro do Castelo, o ponto trata-se de uma ampla praça tradicional com uma torre ao meio. Durante o dia, ela é aberta para a visita. As pessoas que por lá passam podem subir até o ponto mais alto e vislumbrar a paisagem de grande parte de Campinas. Outras medidas do Balão é a inclusão de painéis com fotos explicando a história do local e o que o turista poderá achar naquela redondeza.

O clima é tranquilo e seguro. O bairro do Castelo está próximo a rodoviária do município e mantém uma vasta possibilidade de restaurantes bem conceituados, que podem ser visitados pelos clientes. O mercado naquela área é fomentado. Existem Casas a Venda em Campinas, especialmente neste bairro, que estão em constante valorização. Vale a pena garimpar e investir na área.

De acordo com a Prefeitura Municipal de Campinas, a cidade possui mais de um milhão de habitantes (IBGE, 2010) e está apenas a 96 quilômetros de distância de São Paulo.

Benefícios de viver em Belo Horizonte

Capital de Minas Gerais, a cidade de Belo Horizonte apresenta diversas opções para pessoas que desejam morar com qualidade e ter esperanças de um futuro melhor. Além disso tudo, ainda há outro determinante que impulsiona a ida para o município: a facilidade e a baixa dos preços de Casas a Venda em Belo Horizonte.

 

O município é cercado por um marco histórico: a Serra do Curral. O local foi planejado, e construído, para tornar-se uma capital politica e administrativa do estado mineiro. Fundada em 12 de dezembro de 1897, a cidade só tem crescido e demonstrado a população que é possível ter uma vida sociável e profissional de sucesso em Minas Gerais.

 

De acordo com o site da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte, ao total são mais de 2,3 milhões de pessoas que vivem ali (dados do IBGE 2010) e é a sexta cidade mais populosa do Brasil. Uma de suas características marcantes, é a qualidade de vida que proporciona aos seus habitantes. Prova disto foi a indicação ao prêmio Population Crisis Commitee das Organizações das Nações Unidas (ONU). Além disto, “BH” está entre as 50 cidades com melhor qualidade de vida do mundo, lista elaborada pela ONU.

 

O lado cultural também é expressivo na cidade. Belo Horizonte conta com importantes monumentos, museus e parques. Alguns exemplos deles são: Circuito Cultural Praça da Liberdade, a Savassi, Museu de Arte da Pampulha e também festivais tradicionais como o FIT-BH (Festival Internacional de Teatro, Placo e Rua) e o Encontro Internacional de Literaturas em Língua Portuguesa.

 

Sem dúvida alguma, Belo Horizonte vale a visita – ou até mesmo, quem sabe – a moradia fixa.

FGV é destaque na formação de empreendedores no país, afirma Valor

A Fundação Getúlio Vargas é um dos destaques da matéria “Cresce a importância de cursos para investidores”, divulgada no Jornal Valor Online. De acordo com o veículo, a FGV é uma das pioneiras no ensino e divulgação de conhecimento para a formação de investidores e empreendedores no país.

A reportagem cita o Centro de Estudos em Private Equity e Venture Capital (GVcepe) da Escola de Administração de Empresas de São Paulo (FGV / EAESP) e sua atuação em duas frentes: geração de informações e educação: “De um lado, realiza estudos aprofundados sobre o ecossistema brasileiro de venture capital, cuja segunda edição está saindo do forno envolvendo 120 organizações gestoras de private equity e 285 veículos de investimento, com 723 empresas mapeadas que recebem investimento”, explica, lembrando em seguida as iniciativas de promoção do empreendedorismo. “Em outra frente, criou o programa Desafio Brasil, que tem parceiros como Intel, Vivo e Ministério da Indústria, Comércio e Desenvolvimento e acaba de concluir sua oitava edição com evento de premiação e seleção de 30 finalistas entre 1044 inscritas, das quais 140 passaram pelas fases de mentoria e seleção”.

Com relação a indústria e a importância de cursos voltados para este segmento, o diretor-executivo do GVCepe, Cláudio Furtado, diz que o país ainda engatinha no setor de startups. “Em economias avançadas, a indústria de private equity responde por 1% do PIB. No Brasil, ainda é 0,34%”, afirma o diretor-executivo. No entanto, os números são promissores. Segundo destacado na publicação, com US$ 7,6 bilhões ao ano, em média, de 2010 a 2012 e crescimento de 56% no número de organizações gestoras de venture capital, o setor direcionou US$ 300 milhões em venture capital de base tecnológica de alto crescimento.

Formado pela FGV, o empresário Leônidas Herndl parabeniza a fundação por mais este prêmio alcançado. “Sinto uma grande honra ao ser formado pela FGV. Reconheço a excelência na educação e empenho de todos os educadores ali presente. Com toda certeza, prêmio mais do que merecido”, conclui.

Monetizar com Submarino não está dando certo

Já tem quase 6 meses que eu coloquei no Motos Blog uma campanha de Afiliados do Submarino. Até agora, já mandei muitas visitas para eles, mas não rendeu quase nada.

Estou meio desapontado com isso. Outros blogueiros dizem que conseguem ter um retorno razoável com o Submarino. Mas eu não estou tendo sorte. Será que estou fazendo algo errado?